Superávit do agronegócio soma US$ 8,067 bilhões em junho, queda de 4%

08/07/2015
 |   

O superávit do agronegócio em junho foi de US$ 8,067 bilhões, queda de 4%, ante os 8,396 bilhões do mesmo mês de 2014. Conforme dados divulgados nesta terça (7) pelo Ministério da Agricultura, as exportações do agronegócio somaram no mês US$ 9,13 bilhões, recuo de 5% em relação ao mesmo mês de 2014. Já as importações atingiram US$ 1,06 bilhão, 12,8% abaixo dos US$ 1,21 bilhão de junho do ano passado. Apesar do desempenho, a participação do agronegócio no total das exportações brasileiras alcançou 46,5% no mês, destaca o Ministério.

 

O complexo soja, com 49,1% de participação; carnes, com 14,6%; produtos florestais, com 9,8%; complexo sucroalcooleiro, com 7,5%; e café, com 4,9%, puxaram o desempenho na exportação. As vendas externas do complexo soja caíram de US$ 4,62 bilhões para US$ 4,48 bilhões (-3,0%), apesar de o volume embarcado de soja ter sido recorde com quase 10 milhões de toneladas. As vendas externas de farelo de soja recuaram 32,5%, para US$ 620 milhões, resultado de embarques 3,5% menores e da queda de 30,0% do preço médio do produto, totalizando US$ 620 milhões. As vendas de óleo de soja recuaram 5,5% em volume, 19,2% em preço médio e a receita passou de US$ 134 milhões em junho de 2014 para US$ 102 milhões agora.

 

O Ministério informa que as exportações de carnes atingiram US$ 1,33 bilhão no mês que passou, queda de 6,2% ante o ano de 2014. Foram embarcadas 573 mil toneladas (+17,3%), mas como o preço médio caiu 20% - para US$ 2.320 a tonelada - a receita foi de US$ 1,330 bilhão (-6,2%). O principal produto negociado em junho foi a carne de frango, com 389 mil toneladas (+31,4%) e US$ 677 milhões em valor exportado (+9,8%). As vendas externas de carne bovina totalizaram US$ 484 milhões (-16,8%), com queda tanto no volume negociado (-10,0%), quanto no preço médio do produto (-7,6%). O volume embarcado ao exterior de carne suína cresceu 5,4%, mas com a queda no preço médio, que passou de US$ 3.818 por tonelada para US$ 2.566 por tonelada (-32,8%), a receita recuou 29,2%, para US$ 118 milhões em junho.

 

Ainda conforme o Ministério, as exportações do complexo sucroalcooleiro caíram de US$ 867 milhões em junho de 2014 para US$ 688 milhões em junho de 2015 (-20,7%), apesar do aumento de 4,2% na quantidade comercializada. O preço médio do açúcar passou de US$ 407 para US$ 321 por tonelada (-21,0%), enquanto a quantidade comercializada cresceu 7,7%. A receita com as vendas do produto foi 14,9% maior e alcançou US$ 642 milhões. O preço médio do álcool saiu de US$ 834 por tonelada para US$ 611 por tonelada (-26,7%) em junho deste ano. O volume recuou 45,5% e a receita caiu 60,1%, para US$ 45 milhões.

 

As exportações de café somaram US$ 450 milhões (-18,5%) e 151 mil toneladas embarcadas (-8,2%). O café verde foi o principal item exportado no mês, com US$ 393 milhões e queda de 21,3% em comparação aos US$ 499 milhões de junho de 2014. As vendas externas de café solúvel aumentaram 11,5% e totalizaram US$ 51 milhões no período.

 

Na importação, os principais itens foram papel e celulose (US$ 116 milhões e -19,0%); trigo (US$ 101 milhões e -1,4%); pescados (US$ 74 milhões e -22,2%); lácteos (US$ 39 milhões e +2,3%); e borracha natural (US$ 31 milhões e -15,8%).

 

Acumulado do ano

Considerado o primeiro semestre de 2015, as exportações brasileiras do agronegócio somaram US$ 43,26 bilhões, queda de 11,9% em relação ao mesmo período do ano anterior. As importações foram de US$ 7,06 bilhões, 15,3% menores que no mesmo período em 2014. O saldo da balança comercial do setor foi positivo em US$ 36,2 bilhões, mas 12% menor que o observado no primeiro semestre do ano passado, quando foi de US$ 49,112 bilhões. Conforme o Ministério, o agronegócio representou quase metade (45,9%) das vendas externas do Brasil no período.

 

Data da Publicação: 07/07/15

Fonte: Globo Rural / G1

http://g1.globo.com/economia/agronegocios/noticia/2015/07/superavit-do-agronegocio-soma-us-8067-bilhoes-em-junho-queda-de-4.html

 

Novo comentário:

Por favor, digite a sequência de caracteres da imagem acima para validar o envio do formulário.

Voltar