GDT: ÍNDICE DE PREÇOS RECUA 1,1%

03/05/2018
 |   

Na última terça-feira (01/05/2018) ocorreu o 211º evento do GDT (Global Dairy Trade), no qual o índice de preços fechou em leve queda de 1,1%, com o preço médio a US$ 3.465/tonelada, como ilustra o gráfico 1.

 

leilão gdt

Fonte: Global Dairy Trade

 

Neste leilão, foram negociadas 19.508 toneladas, número próximo ao volume negociado no último leilão, mas 13,8% abaixo em relação às 22.633 toneladas negociadas no evento correspondente há um ano (02/05/2017).

 

Em março, o volume de leite captado pela Fonterra na Nova Zelândia (maior cooperativa do país) foi 3% menor em relação a março de 2017, enquanto o acumulado da safra até o momento aponta para captação 2,1% menor em relação à safra passada. Por outro lado, a sinalização de aumento de produção em outros mercados importantes, como União Europeia e Estados Unidos, faz um contraponto à situação da produção neozelandesa.

 

Nas gorduras, após uma forte recuperação nos preços no leilão passado, o índice de preços do AMF caiu 1,9%, e a média fechou a US$ 6.032/tonelada com expectativas de novas quedas, uma vez que os contratos futuros apresentam desvalorização em quase todos os meses negociados. Ao mesmo tempo, a manteiga manteve-se estável (após duas altas consecutivas), fechando a US$ 5.647/tonelada – com boa competitividade quando comparada com a manteiga da Europa, atualmente em torno de US$1.400/tonelada mais cara.

 

O queijo cheddar teve sua quarta alta consecutiva (+3,1% no índice de preços), atingindo 4.024/tonelada, o maior valor desde outubro/2017.

 

Nos leites em pó, ocorreram movimentos distintos entre o desnatado (alta) e o integral (baixa) neste leilão. No leite em pó desnatado, depois de fortes quedas nos preços em março, os números positivos de importação da China neste início de ano (+10,9% no acumulado de jan-mar em relação ao volume importado no mesmo período de 2017), e o aumento nos embarques da Nova Zelândia com destino à América do Sul e o Oriente Médio ajudaram na recuperação dos preços, e a média fechou US$1.999/tonelada, com uma alta de 3,6% no índice.

 

Já no leite em pó integral, as elevações recentes de preços diminuíram a competividade do produto da Oceania frente ao fornecido pela Europa, ajudando a justificar a queda de 1,5% no índice de preços, que fechou em US$ 3.231/tonelada.

 

Para os próximos meses ainda há muita incerteza pairando sobre o mercado. Os contratos futuros de leite em pó integral negociados na NZX apontam uma possível valorização em relação ao que vem sendo praticado no GDT; contudo, as negociações do GDT preveem uma elevação nos preços um pouco mais antecipada do que se vê na NZX, conforme mostra o gráfico 2.

 

Gráfico 2. Contratos futuros de leite em pó integral – GDT vs. NZX.

 

leilão gdt

 

Data da Publicação: 03/05/2018.

Fonte: MilkPoint

https://www.milkpoint.com.br/noticias-e-mercado/giro-noticias/gdt-indice-de-precos-recua-11-207965/

 

Novo comentário:

Por favor, digite a sequência de caracteres da imagem acima para validar o envio do formulário.

Voltar